Monthly Archives: Outubro 2006

Num mês

“100.000 num mês??? …Isso é de homem, pá!” (estonteado, comentário ao post 100.000 num mês) Anúncios

A ler

Respostas de Luís Pedro Coelho, do Rabbit?s blog, a Eduardo Prado Coelho.

Quim

Corte de energia danifica última reserva «estratégica» de caviar e lagosta.

Noites e dias "de bruxas"

Clay Bennett, The Christian Science Monitor, Boston ### Brian Fairrington, Cagle Cartoons

«Eu é que sei onde devo gastar ainda mais»

Foi apresentado o orçamento para o desporto, juventude e outros diversos, áreas onde a subsidiodependência mais está relacionada com a criação, manutenção e gestão de clientelas partidárias e parasitárias.O governo, pela voz de Laurentino Dias e Silva Pereira, realçou os itens onde mais subiram as dotações orçamentais: «mais 44,4 para igualdade de género», «mais 20% […]

Blasfémias: cem mil

As distinções individuais: Blogger: João Miranda Comentador: Euroliberal Tema: neocons

Bem visto:

«Não chamem os relações públicas» por PPM

100.000 num mês.

Neste mês de Outubro, o Blasfémias ultrapassou pela primeira vez as 100.000 visitas. Agradecemos a todos os hereges que nos visitam e prometemos continuar a vituperar irreverentemente a censurável bovinidade que nos afronta com impiedosas blasfémias e vigorosos ultrajes liberais. Obrigado.

O misterioso relatório Stern III

O acriticismo com que são recebidos os relatórios sobre o clima impedem que a opinião pública fique a conhecer as suas debilidade. Para se chegar a um relatório sobre os impactos económicos das emissões do CO2 é necessário: 1. estimar o impacto no clima de todos os factores naturais e antropogénicos (gases de estufa, uso […]

O misterioso relatório Stern II

Claro que o relatório Stern foi divulgado de forma a que a mensagem correcta fosse transmitida ao público. Quem o fez contou com a habitual inércia dos jornalistas. Quem o fez sabia que a algumas ideias chave do relatório seriam reproduzidas acriticamente. Tomemos como exemplo a notícia do DN: 1. As alterações climáticas exigem acção […]

Factos

Faro-Madrid, Ryanair, a partir de 22 de Novembro. 20 euros+taxas, (29 euros) sem custos adicionais para o contribuinte. Lisboa-Porto, Alfa pendular, 24 a 36 euros, o contribuinte suporta os prejuízos da Refer e da CP e a dívida acumulada das duas empresas. Lisboa-Porto, TAP/Portugália, 86 euros + taxas (138 euros), regime de monopólio, o contribuinte […]

Thumb Rule

Spread Real = Spread Proposto + Metade do Arredondamento. Exemplo. O Banco ‘A’ propõe um spread de 0,8%, taxa de juro arredondada ao 1/4% superior.O Banco ‘B’ propõe um spread de 0,9%, taxa de juro arredondada à segunda casa decimal.O Banco ‘C’ propõe um spread de 0,85%, taxa de juro arredondada a 1/8% superior. Que […]

O misterioso relatório Stern

É impressionante a quantidade de gente que já leu e já comentou o relatório Stern sobre o impacto económico das alterações climáticas. Para dizer a verdade as notícias começaram a sair mesmo antes do próprio relatório. Todas misteriosamente iguais, usando as mesmas expressões ambíguas, as mesmas frases vazias e sem sentido, meticulosamente escolhidas para ocultarem […]

aborto: todos socialistas

Um cavalheiro empertigado chamado João Paulo Malta acabou de adiantar no «Prós e Contras» que a solução para o aborto é criar condições para que todas as mulheres sem meios possam tê-los e, consequentemente, escolham «livremente» a maternidade. Como referiu repetidamente, a falta de casa própria, emprego e dinheiro levam-nas, muitas vezes, a optar pela […]

Wishful thinking

Rota aérea Porto-Lisboa aberta às companhias low cost.

Agora escolha: nuclear ou CO2

«A União Europeia decidiu apoiar os Estados membros que queiram apostar na energia nuclear, nomeadamente nas áreas de investigação e segurança. (…) A energia nuclear é, segundo Durão Barroso, um dos quatro pilares da política da Comissão para reduzir as emissões de dióxido de carbono na UE.» (No Público)

A mãe rejeitou o filho

… E então, a mãe rejeitou o filho. Foi logo no Concílio de Trento. O menino era perfeito, mas a mãe rejeitou-a logo à nascença, nem sequer chegou a reconhecê-lo. Ora, quando uma mãe rejeita o filho, dá tragédia de certeza. E assim foi: “No tempo em que a América lançava as suas bases – […]

Consenso XII

British government says scientific debate on global warming ‘now closed,’ action needed A propósito: Legislating the Value of Pi

Nada que se compare

Foram duas páginas inteiras, e não meramente uma coluna. E foi na secção de Cultura, não no corpo geral do jornal. E em duas edições diferentes do Público, e não numa só. Foi há cerca de dez anos quando o autor regressou ao país depois de desempenhar o cargo de adido cultural da Embaixada de […]

A Capa

via Insurgente.