Monthly Archives: Abril 2004

Daqui a poucos minutos

o mapa da “Europa” passará a ser este: (Fonte: UE) Sejam bem-vindos a Eslovénia, a Estónia, a Hungria, a Letónia, a Lituânia, Malta, a Polónia, a República Checa, a República Eslovaca e metade do Chipre (mal desenhado no mapa oficial). Anúncios

ESTRANHÍSSIMA

… a perturbação pretensamente emocionada de Durão Barroso face às acusações de Francisco Louçã, hoje no Parlamento. Recuso-me a alinhar nas ilações [corrigido] que Louçã retira, nomeadamente quanto a eventuais favoritismos em concursos. Mas, também, custa-me a crer que uma operação financeira tão volumosa pudesse ser conseguida pela CGD sem o consentimento, ainda que tácito, […]

Funestos Aniversários

Adolf Hilter morreu há 59 anos (1945). Não deixou saudades

Já não se pode ajudar um velho amigo?

Leio no Notas verbais mais uma inenarrável história (mas muito bem narrada pelo Sr. Anaximandro) sobre a visita do Presidente da República a alguns países do Leste Europeu. Só um bocadinho da prosa (vale a pena ir lá ler o resto): É impensável que o Presidente Português Jorge Sampaio divulgue em Varsóvia e a quente […]

Editorial do Biólogo José Manuel Fernandes

«Daí que a decisão sobre a barragem do Sabor não seja fácil. Do ponto de vista dos aproveitamentos hidroeléctricos ainda possíveis de desenvolver no país, trata-se de um dos melhores, senão o melhor e o que terá mais impacto na produção de electricidade – logo construí-lo é importante para cumprirmos o Protocolo de Quioto; do […]

Solidariedade de esquerda

«O PCP reiterou hoje que Portugal será o país mais prejudicado com o alargamento da União Europeia a dez novos Estados-membros e responsabilizou o Governo PSD/CDS-PP por eventuais consequências negativas decorrentes desse processo.»

INDEPENDÊNCIA JÁ!

Alberto João Jardim encomendou um estudo para analisar a viabilidade económica da Madeira, chegando à conclusão que esta, se fosse independente, seria auto-sustentável e ficaria mesmo ao nível de Chipre (não foi explicado se o lado grego, se o lado turco, o que faria toda a diferença). Eu acho muito bem que finalmente os madeirenses […]

AUTARQUIAS

A maioria PSD/PP vai apresentar um projecto de reforma da lei eleitoral das autarquias, o qual parece que tem apoio parcial do resto do sistema (PS). Tal projecto prevê que o cabeça de lista do partido/coligação mais votado se torne o presidente da câmara, tendo ainda direito, independentemente de ter maioria ou não, a 50% […]

Centralismos II

O Governo e a EDP pretendem construir uma grande barragem no Rio Sabor, um dos afluentes do Douro. Para além da produção de energia, uma das razões justificativas do Projecto é a regularização dos caudais do Douro. Várias organizações ambientalistas têm combatido o projecto de construção da barragem, estando, inclusivamente disponível uma petição on-line contra […]

CENTRALISMOS

Para quem queira de facto saber o que se passou com os alegados “despedimentos” de 3 supostos “jornalistas” de “O Primeiro de Janeiro” por causa de terem um blog, aconselho vivamente a lerem os esclarecimentos do Filinto.

TÚNEL CENTRAL

Se necessidade houvesse, a prova de que temos um país altamente centralizado, constata-se pelo destaque desmesurado que uma simples obra municpal e os respectivos incidentes processuais tem tido na comunicação social: ele é editoriais, reportagens, directos televisivos, declarações de ministros, análises juridicas e de engenharia, organizações ambientais, manifestações fantasmas,e sei lá que mais. Terceiro mundismo […]

SERIEDADE

Isaltino Morais saiu em defesa de Valentim Loureiro. Em termos de relações públicas, seria difícil escolher pior personagem para tal tarefa.

AVISO À NAVEGAÇÃO

Para que conste: 1. O Blasfémias é um Blogue empenhadamente liberal e suprapartidário; 2. Os 7 (magníficos) blasfemos dividem-se entre independentes e membros de 3 partidos políticos distintos; 3. Ainda assim, a maioria dos que estão ligados a forças partidárias fazem-no numa atitude próxima do diletantismo político, i. é sem condicionar a sua visão da […]

Funestos aniversários

Hoje, o de Sadam Husseim (1937) e o de Oliveira Salazar (1889).

SARAIVA O (R)EVOLUCIONÁRIO

Um socialista portuense, daqueles que tresandam a bolor ensebado (ver foto à esquerda), hoje, no JN, classifica Paulo Morais de “protofascista”. Tudo isso porque este, num artigo no DN, se atreveu a analisar o 25 de Abril fora dos parâmetros oficiais. Donde, “fascista” para cima dele! É a velha máxima da velha esquerda “quem se […]

PORTUGAL NO SEU "MELHOR"

“[a lista às eleições europeias] integra do melhor que temos em Portugal“, disse Durão. Acredite se quiser: João de Deus Pinheiro, Vasco Graça Moura, Silva Peneda, Assunção Esteves, Luís Queiró, Sérgio Marques, Duarte Freitas, Carlos Coelho, José Ribeiro e Castro, Pedro Duarte, Regina Bastos, José Manuel Fernandes (?), João Gouveia, Maria de Lurdes Machado, Joaquim […]

OS BAFIENTOS

Ludgero Marques e Rocha de Matos, donos, respectivamente, da AEP e da AIP resolveram associar-se e criar uma 5ª confederação empresarial, em tudo igual às demais. Dividir para reinar. Os dinaussauros ainda se agitam, tentando provar que estão vivos.

IRAQUE E ONU

A Resolução do Conselho de Segurança da ONU nº 1511 de 23/10/2003 afirma a determinado passo: (…)13. Determina que la provisión de seguridad y estabilidad es esencial para llevar a buen término el proceso político indicado en el párrafo 7 supra y para la capacidad de las Naciones Unidas de contribuir eficazmente a ese proceso […]

Alta corrupção nas Naçoes Unidas (corrigido)

Alguém deu pela polémica acerca da corrupção de altos funcionários da ONU no programa “Oil for Food”? Desde há uma semana que tento evitar ao máximo os jornais portugueses (estou farta de comemorações serôdias), mas nos blogues ainda não vi nada. P.S. Depois de ter publicado esta posta, fui notificada que o Eclético e a […]

O REENCONTRO COM O SOFÁ

Arreliadora e demorada avaria no computador lá de casa, levaram-me a redescobrir os prazeres do sofá. Na plenitude das happy hours que vão desde o deitar dos “pestinhas” até ao semicerrar dos olhos, o teclado, o modem e os blogs foram deixados ao abandono involuntário. Eis-me portanto condenado a deitar-me no sofá observando aquele aparelho […]