Monthly Archives: Dezembro 2007

Ano novo, vida pior *

Um estudo revela que somos o povo mais pessimista da Europa. Este desânimo é legítimo e sensato – oxalá tivesse efeitos tangíveis no nosso sistema político. Somos, há muito, o País pior governado da UE: o nosso poder de compra está 25% abaixo da média europeia e fomos superados por Malta, República Checa, Eslovénia e […]

Notícias discretas:

Há quem entenda que o «tratado reformador é apenas uma revisão dos tratados anteriores, não implicando alterações de fundo».No entanto, e em sentido contrário, o Conselho Constitucional francês apreciou o Tratado reformador e concluiu que: «1) O Conselho Constitucional entendeu que as disposições relativas aos direitos fundamentais da União não exigem uma revisão constitucional;» «2) […]

O Dário da República não descansa

Apesar da tolerância de ponto, o Diário da República de hoje contém alguns diplomas que merecem ser lidos antes do final do ano: Lei n.º 67-B/2007, que consagra a obrigatoriedade da publicação anual de uma lista de credores. Decreto-Lei n.º 397/2007, que actualiza o valor da retribuição mínima mensal garantida para 2008 para 426 euros. […]

Em que ficamos?

«Não é bem assim» ou e assim mesmo?

Uma alternativa de peso

Banqueiro, personalidade fortíssima, pensa por si próprio, não se sujeita a nenhuma agenda política. Um peso-pesado da finança, que acaba de dar um bofetão no Governo e no Banco de Portugal e um safanão nos accionistas do BCP.Contra si, terá a partir de agora todo o establishment político-mediático. Uma eventual vitória sua – dificílima, diga-se […]

Não é que me preocupe muito…

…mas tenho uma certa curiosidade em saber onde irão ser colocados parar Santos Ferreira e Armando Vara (que entretanto se demitiram da Caixa) caso Cadilhe vença.

Breaking news

Miguel Cadilhe concorre à liderança do BCP

A perversidade da "mediocracia"

Um tema muito pouco discutido e aqui abordado por Paulo Morais: Por cá, sem concorrência e na ausência de regulação, temos o descontrolo total. A única empresa que mede audiências em Portugal, a Marktest, assume-se então como o verdadeiro regulador do sector, senão mesmo o seu patrono – situação anómala e ímpar no mundo civilizado. […]

The Good The Bad and the Ugly Finale

Indicadores suspeitos……(2)

Um outro claro sinal de terceiro-mundismo é o facto de em Inglaterra terem-se jogado nos últimos dez dias duas jornadas quatro jogos do campeonato de futebol. Como se sabe, nos países civilizados como o nosso, nesta altura está tudo de férias.

ÚTIL:

Locais (bares/restaurantes) onde se vai poder fumar:MAPA DO FUMADOR – Portugal, por JPG no Apdeites (via)

Pois…. (2)

«Quando tudo parecia resolvido, a instabilidade parece ter regressado ao maior banco privado português. Depois de uma reclamação de Miguel Cadilhe, ex-administrador do Banco Comercial Português (BCP), com o objectivo de alargar o prazo para apresentação de listas para aos órgãos sociais, a possibilidade de aparecer uma candidatura concorrente à de Carlos Santos Ferreira volta […]

Pois…..

O Victor Constâncio vem agora tentar justificar-se: «….novos factos, apurados a partir de denúncia recente, que justificam toda a actuação que o Banco de Portugal tem conduzido sobre este assunto…». Será mesmo? Mas…. e os factos antigos, também relacionados com as mesmas operações em 2000 e 2001 e que que até já estavam em investigação? […]

Aos sábados no DN

CREDIBILIDADE

Bloco central

Lendo o Kontratempos verifico que o critério mais importante para a escolha de um administrador para um banco (público ou privado) é a sua pertença a um dos partidos do bloco central. A nomeação de administradores do PSD até pode ser usada como desculpa para a nomeação de administradores do PS e vice-versa, o que […]

Leitura recomendada

Editorial do Público por Paulo Ferreira. Em especial a parte em que se critica a intervenção ad hoc do governador do Banco de Porugal (2ª parte do editorial).

Faria de Oliveira II

Suponho que Faria de Oliveira seja mais uma prova de que o governo não segue critérios partidários para interferir na economia.

Faria de Oliveira

Faria de Oliveira é o novo Presidente da Caixa Geral de Depósitos.

Novo livro de Pascal Salin.

Publicado em 2007, o novo livro de Pascal Salin tem como título “Français, n´ayez pas peur du libéralisme”. Salin, um dos principais autores do liberalismo clássico de língua francesa, o autor do magnum opus “Libéralisme” (2000), debruça-se sobre temas gerais e sobre temas relativos à situação política francesa. Neste capítulo, e analisando a gestão do […]

Interesse público – II

Supostamente, a CGD é propriedade pública por dessa forma se defenderem interesses públicos. Tais interesses serão definidos em concreto pelo poder político. No caso, o ministro Teixeira dos Santos. Este entendeu que o presidente da CGD e mais dois dos seus administradores prosseguiriam o interesse público na administração do BCP. Se assim não fosse, exigiria […]