Category Archives: Estado Novo; crescimento económico; surrealismo

A China (o novo Portugal dos dias de hoje) !!!

De entre as várias causas do crescimento económico do Estado Novo elencadas no post infra, de Pedro Arroja e reproduzindo a opinião do leitor Mário Almeida, achei especialmente pertinentes e assertivas quer a da “(7.) Proibição de défices orçamentais, isto é, proibição de o Estado gastar acima das suas receitas. (A Constituição de 1933 consagrava […]