Category Archives: centralismos

Vítima do ricochete dos seus "tiros moralistas"

Ressalvando algum efeito distorsor das abstenções, Negrão dificilmente atingirá os 20%, com Carmona muito perto ou eventualmente a ultrapassá-lo. A derrota será sobretudo de Marques Mendes, que hoje terá o retorno da postura partidocrática e do moralismo fátuo que adoptou nas últimas autárquicas. Postura essa muito aplaudida na altura pelo mainstream, quando interveio directamente na […]

Europa das Nações

Presidente da região de Poitou-Charentes perde eleições francesas.

Europa das regiões

Alberto João Jardim esmaga adversários. Nacionalistas escoceses, pró-independentistas, ganham na Escócia.

Planeamento Centralizado

Em Portugal, um ministro manda fechar uma escola e as pessoas aplaudem. O ministro avaliou e decidiu que os cidadãos não devem poder adquirir produtos daquela qualidade. É irrelevante saber que há quem esteja interessados em pagar por aquele serviço – os clientes não sabem nada e é importante protegê-los. Se o ministro não gosta, […]

A OTA vista do Porto (Notícia JN)

Desconfiança total a Norte Hugo Silva Rui Moreira, presidente da Associação Comercial do Porto, é radical fala de um eventual “assassinato” do aeroporto Francisco Sá Carneiro. Menos contundente, mas na mesma linha de raciocínio, Rui Rio, presidente da Junta Metropolitana do Porto , considera que a aerogare internacional nortenha está a ser esquecida na “equação […]

Centralização

O Estado prepara-se para assumir o controle da empresa Metro do Porto, onde, até agora, a maioria do capital está nas mãos das autarquias servidas por aquele sistema de transporte público. ###A justificação apresentada, entre outras coisas menores, será a de que o estado central é o principal financiador da obra. Argumento que não colhe […]

Dos aeroportos:

Recebi e divulgo uma missiva produzida por alguns portuenses preocupados com o futuro do aeroporto de Pedras Rubras:### Ao Excelentíssimo Senhor Presidente da Junta Metropolitana do Porto Assunto: Aeroporto Francisco Sá Carneiro Excelentíssimo Senhor, É Vossa Excelência o Presidente da Junta Metropolitana do Porto. Sem embargo de todas as dificuldades criadas pelo Estado Central, essa […]

A OTA é essencialmente uma questão política IV

As grandes obras são uma componente de uma determinada perspectiva política. De acordo com esta perspectiva, o governo tem como função dirigir a economia e estimular o investimento. Desta forma, as grandes obras públicas servem para estimular a economia privada e para criar emprego. A opção por um grande aeroporto promovido pelo estado é também […]

A OTA é essencialmente uma questão política III

População residente nos distritos de Viana do Castelo, Braga, Vila Real, Bragança, Porto, Aveiro e Viseu: 4 milhões e 300 mil População residente na Galiza: 2 milhões e 750 mil População residente nas províncias Sul da Galiza (Ponte Vedra e Ourense): 1 milhão e 260 mil População residente em Coimbra e Guarda: 600 mil

A OTA é essencialmente uma questão política II

Decidir criar um aeroporto como a Ota a 50 Km do principal centro urbano mais próximo é equivalente a decidir a criação de uma nova cidade. A OTA, por ter a melhor combinação preço/tempo de viagem, será o centro urbano português mais próximo dos principais centros económicos mundiais. Será um pólo de desenvolvimento que canibalizará […]

A OTA é essencialmente uma questão política

Só para começar, a opção entre OTA e Rio Frio é a opção entre duas alternativas de desenvolvimento da Região de Lisboa. A OTA favorece o desenvolvimento na direcção norte favorecendo Santarém, Coimbra e Leiria. Rio Frio favorece o desenvolvimento na direcção Sul favorecendo a margens Sul, Setúbal e Évora. Uma opção tem determinados perdedores […]

Receios centralistas

A ser verdadeiro o conteúdo deste artigo, é bem elucidativo dos fantasmas que povoam as mentes centralistas. O sub-título diz tudo: Solbes cede ante el Gobierno portugués, interesado en no alentar el autonomismo de Oporto. Será que a nossa imprensa não sabe disto?…