A Crise

Por estes dias, férteis opinadores estão em processo de repescagem de escritos proféticos da crise definitiva que publicaram em 1997 e em 2001. É o que tem de bom o fim do capitalismo. É recursivo. Arquivem-nos bem. Mais meia dúzia de anos e vão servir outra vez.

Anúncios

Publicar um Comentário

Required fields are marked *

*
*

%d bloggers like this: