Paralelismos

A morte recente de duas crianças que, com razão ou sem ela, é atribuída ao fecho de urgências e serviços de atendimento em locais periféricos, vai ser a ponte de Entre-os-Rios de Sócrates. Foi a gota de água para fazer transbordar a revolta que estava desde há muito latente. A partir daqui, qualquer pequeno pretexto servirá de acha para a fogueira e a propaganda constituirá fraco extintor.

Começou o declínio – espero que irreversível – do socratismo.

Anúncios

Publicar um Comentário

Required fields are marked *

*
*

%d bloggers like this: