Mudam-se os tempos

Foi muito curioso ouvir hoje Pinto Balsemão a criticar a decisão do Governo de abrir mais um canal generalista. Sobretudo pelos argumentos usados: vai prejudicar o mercado publicitário, vai ser uma televisão de enlatados, a qualidade vai descer…
Este Balsemão de 2008 faz lembrar o Soares Louro dos anos 80 a jurar que Portugal nunca teria mercado para televisões privadas e que a sua abertura seria um enorme erro.
Como se costuma dizer, todos somos a favor da concorrência excepto quando esta nos bate à porta (e nós já estamos demasiado instalados).

Anúncios

Publicar um Comentário

Required fields are marked *

*
*

%d bloggers like this: