Da província como visão

Sócrates diz que os críticos da sua acção governativa tem uma «visão provinciana ultrapassada».
Tenha-se em atenção no entanto que tal sentença não tem um carácter absolutamente negativo. Somente na parte em que refere ser «ultrapassada». E não a «visão provinciana» em si mesmo. Pois ainda ontem confessava, «C’est vrai, je suis un provincial». Mas dos bons, não dos «ultrapassados».

Anúncios

Publicar um Comentário

Required fields are marked *

*
*

%d bloggers like this: