Fico o aviso:

«….falta fazer testes de segurança como deve ser, envolvendo todos os meios de socorro para se verificar como se devem articular e funcionar uns com os outros em caso de emergência (…)

«os rádios de serviço dos bombeiros não funcionam na rede do metro, pelo que não conseguem comunicar para solicitar mais meios ou trocar outras informações. E o ML continua sem instalar repetidores para resolver esse problema. (…)

«Questionado se os bombeiros foram ao novo troço e já conhecem os percursos e as saídas de emergência, as tomadas de água e outros meios de socorro, confessou [comandante do RSBL] que “uma vistoria assim tão pormenorizada ainda não se fez”. (DN)

«Não percebo a que é que se refere especificamente essa opinião da Associação dos Bombeiros», reconheceu o ministro [Mário Lino].

Anúncios

Publicar um Comentário

Required fields are marked *

*
*

%d bloggers like this: